quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Fomos para casa em silêncio, suas palavras me fizeram ver que ele realmente tinha razão, mas o mundo em que vivo nao condiz com este pensamento dele. Uma parte das garotas de hoje são mesquinhas, ousadas, metidas, desvalorizadas e doentes, uma doença que se chama "Síndrome da Barbie". Mas eu sempre gostei mais da "Susy"...uma versão bem mais gordinha e bochechuda. 12ª PENA CAÍDA A forma como ele agia, tudo nele me irritava... mas no fundo eu sabia que era o que eu estava sentindo que me irritava tanto. Sempre evitei me apegar muito a alguem com medo de me magoar, e agora eu via que talvez a presença de Yan em minha vida, era para me ensinar a ter sentimentos outra vez, pois meu coração se tornara frio e inabalável, do tanto que eu ja sofrera. Depois de um tempo eu havia descoberto como chorar em silêncio e sofrer silenciosamente e isso me tornou mais forte nas minhas coisas, quase nada me abalava fortemente oara me fazer desabar, nos olhos dos outros, eu havia me tornado apenas mais humana... mas aos meus olhos eu apenas me tornara mais insensivel e por vezes me assemelhava a um vegetal, não toca, não sente, não vive, vegeta. Até os animais ditos como irracionais, sentiam mais dor e carinho do que eu, muitas das vezes eu fingia uma certa felicidade falsa, mas aquilo tudo já nao me comovia tanto. Viver já era tão monotomo.

5 comentários:

  1. Não esconda seus sentimentos.... é pessimo....

    ResponderExcluir
  2. mais ta lindoooo.....

    ResponderExcluir
  3. Escondendo, eu? nunkinha anonimo que num colocou o nome --' apenas a Laura =)

    ResponderExcluir
  4. Um dos melhores capitulos que tu escrevestes minha querida.ah as vezes nao mostrar tudo que sentimos pe o melhor que se pode fazer :C
    -Lis

    ResponderExcluir