segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

19ª pena caída

Segurei firme o violão em minha perna, as lágrimas caiam sobre ele, Yan me olhou pela primeira vez em muito tempo, tirou o violão da minha perna e me beijou. Nao foi um beijo daquele que damos quando queremos muito ficar ou namorar alguem, foi um beijo para a vida toda, um beijo de eternidade, um beijo que tiraria ou daria vida a qualquer um.Seus labios roçaram contra o meu, senti a pressao deles quando encontraram a minha boca, nossos rostos virados encaixavam-se muito bem, os olhos fechados apenas deliravam-se com toda aquela cena, nao pensavamos em mais nada, nunca mais desgrudar. Aquilo nao era um beijo, era o inicio de um sentimento que eu nao sabia explicar. Segurei-me para nao mostrar que o queria mais do que tudo. - Eternize-se comigo - disse Yan. - Sempre - respondi-lhe. Mal sabia eu que aquele momento eu iria pagar com minha vida.

3 comentários:

  1. nossa,com a vida?
    T.T

    anciosa pela continuaçao melamor

    -Lis

    ResponderExcluir
  2. a laura é vai virar um anjo junto de yan *-*

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk³ menino espertooo

    ResponderExcluir